CAF está de olho no TAV brasileiro

Avatar do usuário

Autor do tópico
André Vasconcellos
MODERADOR RJ
Mensagens: 2063
Registrado em: 14 Jun 2008, 19:59
Localização: Rio de Janeiro,RJ.

CAF está de olho no TAV brasileiro

Mensagem não lida por André Vasconcellos » 27 Nov 2009, 13:09

23/11/2009 - DCI

Prestes a inaugurar sua primeira fábrica no Brasil, a espanhola Construcciones y Auxiliar de Ferrocarriles (CAF), também tem interesse na disputa pelo projeto do trem de alta velocidade (TAV), que ligará o Rio de Janeiro a São Paulo e Campinas. Atualmente, a CAF assegura aproximadamente 4,2 bilhões de euros em pedidos de equipamentos ferroviários para várias regiões do mundo.

"Temos, sim, interesse no projeto do TAV Brasil, pois ele se enquadra no perfil de produtos da empresa", comentou Paulo Fontenelle, presidente da CAF, durante um seminário sobre infraestrutura organizado pela Câmara Oficial Espanhola de Comércio no Brasil.

Dentre as especialidades da companhia multinacional, incluem-se a produção de equipamentos como os veículos leves sobre trilhos (VLT) e os trens de curta distância, e a realização da Copa de 2014 e as Olimpíadas de 2016 no Brasil, que desencadeará novos planos de expansão voltados à mobilidade urbana, pode gerar ainda mais oportunidades para a fabricante espanhola de trens.

"Já temos com o Brasil, o compromisso de produzir carros para o Metrô de São Paulo e a Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM)", acrescentou o presidente da CAF. Fontenelle refere-se à concorrência conquistada pela empresa para fornecer mais de 50 trens ao sistema de transporte ferroviário paulista, 40 dos quais serão destinados à CPTM e os outros 17, ao Metrô.

A previsão é de que a planta fabril da CAF no País, em construção na cidade de Hortolândia, interior paulista, fique pronta em janeiro de 2010; lá serão investidos aproximadamente R$ 150 milhões, para atender a demanda inicial. A fábrica de Hortolândia é a primeira unidade da companhia na América Latina. "Será uma das mais modernas produtoras de trens das Américas", acrescentou o presidente da CAF.

Ao todo, o grupo tem três fábricas na Espanha e uma nos Estados Unidos, ao colocar-se entre os maiores fabricantes de equipamentos ferroviários do mundo. O negócio está distribuído por meio de filiais comerciais em regiões da Europa, África e Ásia. Ao todo os projetos da empresa estão espalhados por mais de 30 países. Praticamente metade dos contratos que companhia tem hoje estão ligados ao exterior. Um dos mais representativos fica na Turquia.

http://www.revistaferroviaria.com.br/in ... teria=9365
O amor nos conecta...

Droga, estou offline!

Voltar para “PROPOSTA (BRASIL) - TAV SP-RJ”