Coreanos criticam adiamento de leilão

Avatar do usuário

Autor do tópico
Renanfsouza
COORDENADOR
Mensagens: 2507
Registrado em: 05 Jun 2008, 10:54
Localização: Rio de Janeiro/RJ

Coreanos criticam adiamento de leilão

Mensagem não lida por Renanfsouza » 29 Nov 2010, 14:20

Coreanos criticam adiamento de leilão

27/11/2010 - Folha de S. Paulo

O consórcio sul-coreano criticou a decisão do governo federal de suspender o leilão do trem-bala e remarcá-lo para abril de 2011. O consócio, que anunciou que se manterá na disputa mesmo com o adiamento, divulgou a lista de 22 empresas que formam o grupo. São 9 empresas nacionais e 13 estrangeiras. De acordo com o consórcio, juntas elas tinham patrimônio R$ 35,42 bilhões no fim do ano passado e faturamento anual de R$ 71,62 bilhões.

O representante do consórcio coreano, Paulo Benites, disse que ficou decepcionado com a decisão do adiamento, mas respeita a decisão tomada pelo governo.
Segundo ele, o processo não foi interrompido e o consórcio continuará trabalhando para apresentar uma proposta. Ele afirmou que a intenção é ampliar o número de participantes, hoje em 22.

"A decepção é porque temos um projeto viável, com a proposta de desenvolvimento regional e transferência de tecnologia bem montados. Mas temos que acatar [a decisão do governo]", afirmou.

O Grupo Bertin, que estava participando do consórcio desistiu do negócio nesta semana. Parte das outras empresas nacionais ameaçou sair, mas ficou após reuniões realizadas na quinta-feira durante todo o dia.

O diretor de infraestrutura e energia da Fiesp, Carlos Antônio Cavalcanti, disse que o governo poderia ter mantido o leilão do trem-bala e reformado o edital em caso de não haver interessados. Segundo ele, o preço-teto definido no edital do Trem de Alta Velocidade era considerado satisfatório para os consumidores. "O governo precisa entender que não há problema se não houver competidores. Ele pode refazer o edital e chamar um outro leilão, não há nenhum problema nisso."

Pedido atendido

O presidente da Alstom Brasil, Philippe Delleur, disse que o grupo mantém o interesse no projeto e elogiou a decisão do governo de adiar o leilão. "Um projeto complexo como esse precisa ser mais bem estudado", disse.

Em nota, a empresa também disse que o tempo maior permitirá avaliar melhor os "aspectos técnicos e financeiros a fim de preparar propostas apropriadas".
Para Hélcio Aunhão, diretor da Siemens -outra empresa interessada no negócio como fornecedor da tecnologia empregada no trem-bala-, o governo agiu com inteligência ao determinar o adiamento. "Acho que agora o governo pode responder a todos os questionamentos dos consórcios e mudar os pontos do edital para deixar o projeto em pé."

Ele diz que a demanda pelo trem-bala é de apenas 60% do total de passageiros indicado pelos estudos.

Além disso, a proposta do governo de fazer uma compensação de R$ 5 bilhões até o final da primeira década em caso de frustração de demanda é insuficiente para compensar a falta de receita. Outra demanda dos consórcios é a mudança no traçado, principalmente a redução do número de túneis e pontes. Aunhão diz que os interessados esperam uma resposta a todas as questões até o fim de dezembro.

---

Fonte: Revista Ferroviária
Central-Caxias: 1:30 de trânsito pela Linha Vermelha. Ou 29 minutos pela Supervia.

Avatar do usuário

Rafael Lopes
MEMBRO SENIOR
Mensagens: 1139
Registrado em: 22 Dez 2008, 20:14
Localização: No meio entre V. Jacuí e Ponte Rasa, São Paulo.
Contact:

Re: Coreanos criticam adiamento de leilão

Mensagem não lida por Rafael Lopes » 30 Nov 2010, 11:44

De pouco em pouco o TAV vai para a gaveta; mais um adiamento de leilão e é capaz de cancelarem tudo. wll
Chegou o primeiro Cobrasma reformado!!!!!!!


Jorge Luis
MEMBRO PLENO
Mensagens: 578
Registrado em: 06 Mar 2009, 12:56

Re: Coreanos criticam adiamento de leilão

Mensagem não lida por Jorge Luis » 30 Nov 2010, 11:54

Rafael Lopes escreveu:De pouco em pouco o TAV vai para a gaveta; mais um adiamento de leilão e é capaz de cancelarem tudo.


se a Fifa impor com mãos de ferro ele sai caso contrario vai para gaveta, veja o Rio de Janeiro ali tem o braço da Fifa. (plageando o Datena olha ai ó to certo ou to errado) se bem que para a copa ja era.
O mesmo passageiro que entra no trem, é o mesmos que desçe nas proximas estaçoes

Responder Exibir tópico anteriorExibir próximo tópico

Voltar para “PROPOSTA (BRASIL) - TAV SP-RJ”